Estádio do Corinthians para a Copa de 2014 é tema de debate

Faltando pouco mais de 43 meses para a Copa do Mundo de 2014, a definição do estádio de abertura do Mundial está cada dia mais próxima. Opção mais cotada, a arena do Corinthians em Itaquera, zona leste paulistana, poderá deflagrar um processo de modernização local, com reflexos positivos para toda a cidade. .

"A exemplo do que fez Barcelona para os Jogos de 1992 e do que está fazendo Londres para as Olimpíadas de 2012, São Paulo pode aproveitar o poder mobilizador e de forte conteúdo simbólico que o esporte tem para os brasileiros, em especial quando relacionado com a Copa do Mundo de Futebol, para modernizar e transformar uma das regiões mais carentes da cidade", afirma o engenheiro José Roberto Bernasconi, presidente do Sinaenco/SP (Sindicato da Arquitetura e da Engenharia).

Para discutir essa e outras perspectivas de desenvolvimento para a região, a regional do Sindicado realizou, hoje, 4 de novembro, no Centro Brasileiro Britânico, o 10º Encontro de Oportunidades e Negócios.

Foi confirmada a presença de Frederico Bussinger (presidente da Companhia Docas de São Sebastião e Diretor do Departamento Hidroviário da Secretaria Estadual dos Transportes), Pedro Taddei (arquiteto e urbanista, professor da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP e vice-presidente do Sinaenco/SP), Luiz Augusto Contier (Coordenador do Curso de Arquitetura da Universidade São Judas Tadeu), Jurandir Fernandes (Professor da Unicamp e ex-secretário dos Transportes Metropolitanos do Estado de São Paulo), Carlos Roberto Silvestrin (Vice-Presidente Executivo da Cogen/SP), e Valter Boulos (Vice-Presidente de Gestão e Assuntos Institucionais do Sinaenco/SP).

Serviço

10º Encontro da Arquitetura e da Engenharia Consultiva de São Paulo

Data: 4 de novembro, às 14h.

Local: Centro Brasileiro Britânico (Rua Ferreira de Araújo, 741 – Pinheiros)

Fonte: Estadão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *