Apoio : SINICESP – AEERJ – ABCON – ABCEM – SINAENCO – APEOP

O PAPEL CENTRAL DAS CONCESSIONÁRIAS NOS NOVOS EMPREENDIMENTOS DE INFRAESTRUTURA

Transportes (Rodovias, Ferrovias e Portos), Aeroportos, Mobilidade urbana, Energia e Saneamento.


Os programas de investimentos das concessionárias de e os principais empreendimentos em curso

PALESTRAS

PPI / Programa de Parcerias de Investimentos

 

Panorama, Resultados e Desafios na agenda da Infraestrutura Nacional

Resumo:

O Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) foi criado para reforçar a coordenação das políticas de investimentos em infraestrutura por meio de parcerias com o setor privado, visando garantir um ambiente propício à expansão da infraestrutura, do desenvolvimento econômico e das oportunidades de investimento e emprego no País. Qual o panorama atual dos investimentos em infraestrutura do País e quais os principais resultados entregues? Como uma estrutura central de governança da infraestrutura pode gerar resultados para a sociedade (case)? Quais os desafios para a continuidade da agenda do desenvolvimento da infraestrutura nacional por meio de parcerias com o setor privado? Estas e outras questões serão abordadas durante a palestra no evento.

Palestrante: Jonathas Assuncao Salvador Nery de Castro – Diretor de Programas

EDP do Brasil

Capacidade de gestão de obras da EDP em Transmissão

Resumo:

 O modelo de gestão responsável e eficiente da EDP permitiu um desempenho acima da média na gestão das obras das últimas três unidades de geração de energia hidrelétrica. A entrega da terceira usina antecipada, a UHE São Manoel, comprovou mais uma vez a capacidade de execução de obras da Empresa, que está usando a mesma experiência em seus novos projetos de Transmissão. A Companhia assumiu investimentos de R$ 3,1 bilhões na construção de linhas e subestações em Maranhão, Minas Gerais, São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Espírito Santo, case a ser abordado.

Palestrante: Marcelo Lindenberg Gravina – Diretor

VINCI / Concessionária do Aeroporto de Salvador

Ampliação e Modernização do Aeroporto de Salvador – Eficiência na gestão do investimento em infraestrutura
Palestrante: Yann Le Bihan – Diretor Técnico

CAIXA ECONOMICA FEDERAL

Atuação da CAIXA no financiamento de projetos de Infraestrutura.

Palestrante: Aurélio Lino de Almeida – Superintendente Executivo

RUMO LOGÍSTICA

A importância para o Brasil da renovação das concessões ferroviárias

Resumo: 

A palestra terá como case o processo de renovação antecipada da concessão da Malha Paulista, administrada pela Rumo Logística. Entre as concessionárias que solicitaram prorrogação, a Rumo é a que se encontra em estágio mais avançado de deve servir de modelo para as próximas. O processo enctra-se em análise pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), devendo em breve seguir para análise do Tribunal de Contas da União. A renovação vai melhorar a infraestrutura do Brasil, atrair novas cargas para o modal ferroviário e gerar benefícios para a socidade.  Os investimentos, que só na Malha Paulista da Rumo serão de 6 bilhões, vão garantir mais eficiência, produtividade e segurança para as ferrovias. Na prática, a renovação significa maior volume de exportações, tarifas menores para quem exporta, menos caminhões nas estradas e ganhos expressivos para o meio ambiente. Tudo isso vai contribuir para a diminuição do Custo Brasil e também para o aumento da competitividade do produto brasileiro no exterior, em decorrência do aumento da oferta.

Palestrante: Adriana Kanashiro – Especialista da área de Relações Institucionais e Regulatório da Rumo

EDLP / Estação da Luz Participações
Projeto Ferrogrão

Resumo:

A Ferrogrão é um projeto greenfield que visa diminuir os custos logísticos do agronegócio brasileiro através da criação de um ramal ferroviário eficiente, seguro, competitivo e sustentável para o escoamento da produção do Centro-Oeste rumo os portos do arco norte do país. O projeto se insere em um contexto nacional referente aos benefícios e desafios do incremento de infraestrutura de transportes no Brasil.

Palestrante: Roberto Meira – Diretor Comercial    

CTG – Brasil

Modernização das Usinas Jupiá e Ilha Solteira

Resumo:

A CTG Brasil apresentará o projeto de modernização e a solução tecnológica adotada para o novo Centro de Operação da Geração (COG) da CTG Brasil, visando integrar todos os ativos da empresa de forma segura e com todos os recursos necessários para a operação centralizada de seus ativos. Também faz parte do projeto de modernização a digitalização e automação completa dos dois maiores ativos da empresa, as usinas de Ilha Solteira e Jupiá, e que também será abordado nesse trabalho.

Criada em 2013, a CTG Brasil é parte da China Three Gorges Corporation, uma das líderes globais em energia limpa. Com investimentos em 17 usinas hidrelétricas e 11 parques eólicos, o portfólio da CTG Brasil hoje tem uma capacidade total instalada de 8,27 GW.  Segunda maior geradora privada de energia do país, a CTG Brasil conta com a dedicação de seus talentos locais e está comprometida em contribuir com matriz energética brasileira, pautada pela responsabilidade social e respeito ao meio ambiente.

 Palestrante: Jorge Okawa – Diretor de Engenharia e CAPEX

SABESP / Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo

Oportunidades para inovação e crescimento no setor de saneamento

Palestrante: Dante Ragazzi Pauli – Superintendente

RIOGALEÃO / Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro

Programa de investimentos Concessionária Riogaleão

• Overview da Concessão e principais marcos até 2018
• Composição acionária e o grupo investidor
• Plano Diretor e investimentos previstos

Palestrante: Antonio Carlos Pinto – Diretor de Engenharia

CPTM / Companhia Paulista de Trens Metropolitanos

Infraestrutura Ferroviária no Transporte de Passageiros – A CPTM

Resumo:

A CPTM – Cia. Paulista de Trens Metropolitanos herdou suas seis linhas do transporte ferroviário de carga e teve como meta inicial fazer a transformação dessas linhas para o transporte de passageiros,  de forma confiável, segura e confortável.
Ela transporta atualmente cerca de três milhões de usuários por dia. Apresentaremos nesta palestra os esforços que têm sido efetuados no sentido de modernizar toda sua infraestrutura, com ênfase na acessibilidade de estações, aumento de confiabilidade de seus sistemas elétricos, de sinalização ferroviária e de telecomunicações, e com a aquisição de novos trens.
Como caso real exemplificaremos com a Implantação da nova Linha 13 – Jade da CPTM, serviço já funcionando, bem como o Projeto de sua Extensão, e também o Projeto de Expansão de sua atual Linha 9 – Esmeralda.

Palestrante: José Augusto Rodrigues Bissacot – Diretor de Planejamento

GRUPO ATERPA

Obra de Duplicação da Estrada de Ferro Carajás

Palestrante: Daniel Nobrega – Diretor Comercial

DOIS A ENGENHARIA

Obras Civis de Implantação de Parques Eólicos

A Dois A Engenhara empresa de  Construção Civil, com mais de 50 anos de atuação no mercado, executa obras de saneamento, abastecimento de agua, habitação, drenagem, terraplenagem e pavimentação e, desde 2006, criou uma divisão para atender aos projetos de energias renováveis.  Apresentaremos  o case de execução do EPC das obras civis dos Complexos Eólicos Cutia e Bento Miguel da COPEL – Companhia Paranaense de Energia.  Neste projeto  a Dois A foi a responsável pela elaboração dos projetos e execução  de 82 quilômetros de vias de acesso bem como pela elaboração dos projetos estruturais  e a execução das 149 fundações para aerogeradores. Através da sua subsidiária, DTS – Dois A Tower System executou também a construção de 149 torres eólicas de concreto de 120m de altura.  Com uma implantação de 149 torres eólicas, que correspondem à 312MW, estes complexos eólicos consumiram aproximadamente 125.000 m3 de concreto e 16.780 toneladas de aço.

Palestrante: Felipe Vieira de Castro – Diretor Comercial

ENORSUL SANEAMENTO

Otimização do Sistema de Distribuição de Água e Redução de Perdas de Olinda/PE

Palestrante: Vanessa Finamore Miranda – Engenheira Ambiental e Sanitarista

FOTOS

Facebook Comments