Saneamento x Doenças

Problemas de saúde causados pela falta de rede de esgoto

Grupos de doenças

Formas de transmissão

Principais doenças relacionadas

Formas de prevenção

Feco-orais (não bacterianas)

Contato de pessoa para pessoa, quando não se tem higiene pessoal e doméstica adequada.

Poliomielite

Hepatite tipo A

Giardíase

Disenteria amebiana

Diarréia por vírus

– Melhorar as moradias e as instalações sanitárias

– Implantar sistema de abastecimento de água

– Promover a educação sanitária

Feco-orais (bacterianas)

Contato de pessoa para pessoa, ingestão e contato com alimentos contaminados e contato com fontes de águas contaminadas pelas fezes.

Febre tifóide

Febre paratifóide

Diarréias e disenterias bacterianas, como a cólera

– Implantar sistema adequado de disposição de esgotos

– melhorar as moradias e as instalações sanitárias

– Implantar sistema de abastecimento de água

– Promover a educação sanitária

Helmintos transmitidos pelo solo

Ingestão de alimentos contaminados e contato da pele com o solo.

Ascaridíase (lombriga)

Tricuríase

Ancilostomíase (amarelão)

– Construir e manter limpas as instalações sanitárias

– Tratar os esgotos antes da disposição no solo

– Evitar contato direto da pele com o solo (usar calçado)

Tênias (solitárias) na carne de boi e de porco

Ingestão de carne mal cozida
de animais infectados

Teníase

Cisticercose

– C
onstruir instalações sanitárias adequadas

– Tratar os esgotos antes da disposição no solo

– Inspecionar a carne e ter cuidados na sua preparação

Helmintos associados à água

Contato da pele com água contaminada

Esquistossomose

– Construir instalações sanitárias adequadas

– Tratar os esgotos antes do lançamento em curso d’água

– Controlar os caramujos

– Evitar o contato com água contaminada

Insetos vetores relacionados com as fezes

Procriação de insetos em locais contaminados pelas fezes

Filariose (elefantíase)

– Combater os insetos transmissores

– Eliminar condições que possam favorecer criadouros – Evitar o contato com criadouros e utilizar meios de proteção individual

Doenças relacionadas com água contaminada

Grupos de doenças

Formas de transmissão

Principais doenças relacionadas

Formas de prevenção

Transmitidas pela via feco-oral (alimentos contaminados por fezes)

O organismo patogênico
(agente causador da doença) é ingerido.

Leptospirose

Amebíase

Hepatite infecciosa

Diarréias e disenterias, como a cólera e a giardíase

– Proteger e tratar as águas de abastecimento e evitar o uso de fontes contaminadas
– Fornecer água em quantidade adequada e promover a higiene pessoal, doméstica e dos alimentos.

Controladas pela limpeza com água

A falta de água e a higiene pessoal insuficiente criam condições favoráveis para sua disseminação.

Infecções na pele e nos olhos, como o tracoma e o tifo relacionado com piolhos, e a escabiose

– Fornecer água em quantidade adequada e
promover a higiene pessoal e doméstica

Associadas à água (uma parte do ciclo de vida do agente infeccioso ocorre em um animal aquático

O patogênico penetra pela pele ou é ingerido.

Esquistossomose

– Adotar medidas adequadas para a disposição de esgotos
– Evitar o contato de pessoas com águas infectadas
– Proteger mananciais
– Combater o hospedeiro intermediário

Transmitidas por vetores que se relacionam com a água

As doenças são propagadas por insetos que nascem na água ou picam perto dela.

Malária

Febre amarela

Dengue

Elefantíase

– Eliminar condições que possam favorecer criadouros

– Combater os insetos transmissores

– Evitar o contato com criadouros

– Utilizar meios de proteção individual

Doenças e outras conseqüências da ausência de tratamento do esgoto sanitário

Poluentes

Parâmetro de caracterização

Tipo de esgotos

Conseqüências

Patogênicos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *