Chegou a vez do Rental, acredita executivo da BMC-Hyundai

Com a descentralização das frotas de equipamentos, ocasionada pela redução do poder de compra das grandes construtoras envolvidas em atos de corrupção, Felipe Cavalieri, presidente da BMC-Hyundai, avalia que chegou a hora dos locadores de equipamentos ocuparem posição protagonista no parque de frotas da linha amarela de construção.

Seguindo o raciocínio de Cavalieri, novas construtoras nacionais e internacionais devem ocupar maior espaço na execução de obras de infraestrutura. “Com pouco acesso à crédito, menor poder de compra ou mesmo falta de tempo hábil para estruturar uma frota própria, essas empresas tendem a procurar parceiros capazes de mobilizar frotas de equipamentos de forma rápida e eficiente”, diz ele. “Os locadores que estiverem estruturados para atender essa demanda, vão calcar bons negócios e ocupar um papel fundamental no desenvolvimento da infraestrutura nacional”, completa.

O executivo avalia que, em volume, a venda de máquinas não melhorou em relação ao ano passado. Em alguns meses deste primeiro semestre, ele lembra, aliás, houve queda em relação a 2016. “Mas a vantagem é que o perfil de consumo mudou, com rentals, mercado agrícola e outros setores antes menores tomando a dianteira”, diz ele, acreditando ser esse o modelo dominante daqui em diante.

Fonte: Redação OE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *