CCR vence leilão da linha 15 do metrô de SP

Um consórcio liderado pelo grupo CCR venceu o leilão para concessão da linha 15-Prata do metrô da capital paulista, que será operado por monotrilho.

O Consórcio Viamobilidade, integrado também pela Ruasinvest com 20% – o restante é da CCR (80%) -, ofereceu pagar outorga fixa de R$ 160 milhões, um ágio de 0,59 por cento sobre o valor mínimo de 159 milhões de reais.

O valor estimado do contrato é de R$ 4,7 bilhões, o que corresponde à soma das receitas tarifárias de remuneração e de receitas não operacionais, como exploração comercial de espaços livres nas estações, por exemplo. O prazo da concessão será de 20 anos.

O consórcio terá que fazer investimentos de R$ 345 milhões na linha, de acordo com o contrato de concessão.

Com 15,3 km, a linha ligará a Vila Prudente até a estação Jardim Colonial. A concessão está dividida em duas fases, sendo a primeira, de Vila Planalto a São Mateus e a segunda, até Jardim Colonial, cuja previsão de operação está programada para o 2.º semestre de 2021.

Em São Paulo, a CCR está à frente de três linhas em operação – a 4-Amarela, a 5-Lilás e o monotrilho -, mesmo número que a estatal Metrô, responsável pelas Linhas 1-Azul, 2-Verde e 3-Vermelha. A CCR também vai assumir a Linha 17-Ouro, ainda em obras.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *