AES Tietê assina acordo para criar complexo eólico Cajuína (RN)

Terá capacidade instalada de 1,1 GW e demandará inversão de R$ 4 bilhões entre construção e equipamentos. A região tem característica peculiar de geração maior de dia — fator importante com a entrada em vigor do preço-horário em 2021.  Tucano é outro projeto eólico com construção programada para próximo ano. Com os dois, a geração eólica da empresa atinge 1,4 GW e a capacidade instalada total chega a 5 GW.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *