Categorias

2 de dezembro de 2021

3 leilões de energia serão realizados ainda este ano

Linhas de transmissão de energia, energia elétrica

No próximo dia 30 de setembro, ocorre Leilão de Energia Nova promovido pelo governo federal. O leilão conta com a participação de empreendimentos solares fotovoltaicos, eólicos, hidrelétricos e termelétricos a biomassa.

Ao todo, foram cadastrados 1.694 projetos para o leilão, totalizando 93,9 GW de potência instalada, o equivalente a mais da metade da potência atual da matriz elétrica brasileira. Há 37,3 GW de projetos em térmicas e 32,2 GW ofertados em energia solar fotovoltaica.

Em outubro, está previsto de ocorrer leilão emergencial de energia para garantir o suprimento a partir de 2022. A medida atende recomendação do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico e foi aprovada pela Câmara de Regras Excepcionais para Gestão Hidroenergética, órgão presidido pelo Ministério de Minas e Energia para tratar da crise hídrica.

O leilão emergencial vai contratar energia de reserva, na modalidade por quantidade para usinas termelétricas a biomassa, eólica e solar fotovoltaica, e na modalidade por disponibilidade para termelétricas a gás natural, óleo combustível e óleo diesel, sendo estas duas mais caras para o consumidor, ambas com suprimento entre 1º de maio de 2022 e 31 de dezembro de 2025.

No dia 21 de dezembro ocorre leilão de reserva de capacidade, com participação de termelétrica movida a biomassa, a carvão mineral nacional, a gás natural, a óleo combustível, a diesel, a biogás e de tratamento de resíduos sólidos urbanos.

Já foram cadastrados para este leilão 132 projetos termelétricos, somando 50,6 GW de potência instalada. Desses 50,6 GW, 9,4 GW são empreendimentos existentes e 47 GW movido a gás natural.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.