M & T Expo

Nova geração de controles

A nova geração de controle e operação dos guindastes automotivos Liccon (Liebherr Computed Controlling), que a Liebherr apresenta durante a M&T Expo, tem como diferencial a maior facilidade de operação, com menor número de comandos. A nova representação colorida dos dados no monitor Liccon, na cabina, facilita a leitura interpretação dos dados.
Situado abaixo do mecanismo do joystick, o display Touchscreen permite a escolha confortável das operações desejadas, tais como a direção do carro inferior, a suspensão dos eixos, o patolamento do automotivo, o ajuste dos faróis bem como do aquecedor e do ar condicionado.
O guindaste automotivo é equipado ainda com o Bluetooth – Terminal (BTT), que garante maior segurança no patolamento, além de outras funções como arranque e corte do motor, RPM do motor, nivelamento eletrônico. Em função do modelo de guindaste automotivo e dos acessórios, o BTT pode ser programado com outras funções como montagem do JIB e do contrapeso. Como opcional há disponível um controle remoto completo para todos os movimentos do automotivo. Para isso a unidade de controle BTT é instalada em um console com joystick. O console é universal de forma que pode ser utilizado para todos os automotivos com Liccon2.

Maior oferta de produtos

A Manitowoc colocará em exposição diversos guindastes das linhas de produtos National Crane e Potain durante a M&T Expo seguindo a estratégia expandir a sua atuação na América do Sul. "Não apenas temos dois novos modelos da National Cranes, mas também expandimos a capacidade das nossas instalações de montagem de guindastes assim como as instalações para recondicionar peças e máquinas, além de manter um amplo estoque de reposição", destacou a Kyle Nape, vice-presidente e gerente geral para a América Latina.
Dentre as máquinas apresentadas, está o National Crane 1400ª, montado no chassi de um caminhão Ford, com capacidade máxima de 29,9 t, sendo fornecido com uma lança de quatro ou cinco seções e extensão máxima de 38,7 m. A altura máxima da ponta da lança é de 52,1 m.
O National Crane 1800 é montado no chassi de um caminhão Scania, sendo o maior guindaste montado sobre caminhão comercial da linha de produtos da empresa, com capacidade máxima de 36,3 t. A extensão máxima da lança é de 43,3 m e a altura máxima da ponta da lança é de 53,6 m.
A Manitowoc apresenta dois guindastes Potain, um com autolevantamento Igo 36 e um Potain MCi 85 A. O Igo 36 tem uma área na base bem pequena – 4 m x 4 m – tornando-o ideal para trabalhos com espaço limitado. O Potain MCi 85 A é um guindaste de torre de capacidade máxima de 5 t, peso que pode ser elevado a um raio de 16,4 m.

Case traz inovações para a retroescavadeira 580

A Case apresentará ao mercado brasileiro, durante a M&T Expo, o pro control, um sistema exclusivo, desenvolvido pela marca os Estados Unidos, que traz maior precisão, controle e velocidade nas operações. A novidade já pode ser adquirida como item opcional em todos os modelos de retroescavadeira 580M, e desde abril passou a ser padrão em todas as 580M com cabine fechada e tração 4×4.
"O pro control suaviza os movimentos do braço da retroescavadeira, evitando o chacoalhar da caçamba. Isso traz muitos benefícios, como ciclos mais rápidos, maior conforto de operação e maior exatidão nos
movimentos. Para o nosso cliente, significa maior produtividade e trabalhos mais bem feitos", explica o gerente de Marketing do Produto da Case, Edmar de Paula.
Ele exemplifica: "A interrupção do movimento do braço de uma retroescavadeira é sempre um pouco brusca, por mais cuidadoso que seja o operador. Se a máquina está ao ar livre e tem espaço, não há problema. Mas, se está operando na escavação de uma valeta para tubulação, por exemplo, corre-se o risco das laterais serem danificadas. Com o pro control, as paradas são exatas e mais suaves, evitando danos na área de trabalho".

Terex lança implemento para usina de asfalto e nova fresadora

A Terex Roadbuilding apresenta três novidades durante a M&T Expo 2009. O primeiro é o implemento para Usina de Asfalto, WMA Foam, que utiliza espuma de asfalto para a produção de massa asfáltica,possibilitando a redução da temperatura durante os processos de mistura e compactação para um intervalo de 90oC a 130oC. Como resultado, potencializa a durabilidade do pavimento, já que a produção de massa baixas temperaturas reduz sensivelmente o percentual de vazios, além de diminuir o envelhecimento do ligante asfáltico por oxidação.
O WMA Foam é um produto ambientalmente correto, pois reduz a emissão de gases nocivos ao meio ambiente, como CO2, CO e NOX, melhora a qualidade do ar durante a sua produção e diminui a exposição dos trabalhadores no processo. O novo implemento permite a pavimentação em regiões geográficas e em períodos, que por suas características, exigem rapidez na execução do processo, sem perder qualidade e acabamento final. O WMA Foam proporciona economia de energia e reduz o gasto
de combustível do equipamento
A segunda novidade é a vibroacabadora de asfalto a VDA700SM (Smooth Mat), resultado da troca de tecnologias entre a Terex do Brasil e a americana Terex Cedarapids. O lançamento oferece relação custo/benefício muito favorável, é fabricada no Brasil e com tecnologia mundial. Possui, além da altíssima qualidade de acabamento, componentes de larga vida útil e permite facilidade de operação e manutenção.
Para completar os destaques, a Terex Roadbuilding apresenta a Fresadora PR260 que, com sistema de carregamento frontal e profundidade de corte de 30 cm. Com maior pot
ência de motor (260 hp), oferece alto desempenho, uma vez que a carga frontal eleva a produtividade e facilita a operação da máquina. Para completar, a ferramenta de corte tem sistema de troca rápida.
Além das novidades da divisão Roadbuilding, a companhia exibirá muitos outros equipamentos para construção, plataformas aéreas de trabalho, guindastes e mineração.

Nova geração de britadores

A Metso apresenta a última geração de britadores da família HP – os britadores HP4 e HP5, de alto rendimento em britagem fina. Os equipamentos oferecem elevada capacidade de produção e maior taxa de redução de produto devido à alta excentricidade e potência instalada, quando comparado com os demais britadores.
O HP4 é o primeiro modelo de uma nova linha de britadores de cone de alto desempenho da Metso. Seu projeto é inovador em diversas características, tais como um novo dispositivo anti-rotação (anti-spin), design aprimorado do sistema de alívio para proteger o britador em operação e fixação do revestimento sem material de encosto (resina). Através da combinação de alta capacidade de redução e baixa taxa de carga circulante, as plantas de britagem equipadas com britadores HP4 podem alcançar alto desempenho de britagem contínua e também alta eficiência no consumo de energia.
O britador de cone Nordberg HP4 tem uma abertura de alimentação variável, em função do tipo de revestimento utilizado, motor de até 315 kW e capacidades de até 550 mtph. Com peso aproximado de 24 t, foi projetado inicialmente para britagem terciária pesada e britagem fina, oferece não apenas alta produtividade e baixo custo de operação, mas também manutenção simples em intervalos longos.

Carregadeira de rodas 966H e motoniveladora série K

A carregadeira de rodas 966H, de 211hp, e a linha de motoniveladoras Série K, composta de quatro modelos, serão as novidades apresentadas pela Caterpillar no M&T Expo. Também serão apresentados outros 21 modelos recentemente lançados pela empresa. A carregadeira de rodas Caterpillar 966H traz novo motor de 286 hp equipado com a tecnologia ACERT. Além de oferecer maior potência, o modelo está em conformidade com as emissões de Nível 3, requeridas pela Agência de Proteção Ambiental norte-americana (EPA) e agência européia EU Stage III.
Um novo sistema de implemento hidráulico sensível à carga funciona com maior eficiência aumentando o rendimento do combustível de 4% para 7%, além de ampliar em 20% a força de elevação em relação aos modelos anteriores. Entre as principais mudanças estão os controles de implemento eletrohidráulico com recursos simultâneos de elevação e inclinação, entre outros, facilitando a operação.
A Caterpillar iniciou neste ano a produção nacional da Série K de Motoniveladoras, composta de quatro modelos (120K, 12K, 140K e 160K) que substituem a Série H e complementam sua família de motoniveladoras, em adição à Série M. Os modelos 140K e 160K já estão disponíveis na rede de revendedores Caterpillar, com representação em todo o território nacional, enquanto os modelos 12K e 120K chegarão ao mercado durante o segundo semestre de 2009.

Retroescavedeira JCB 3C

A JCB levará para a M&T Expo a retroescavadeira modelo 3C da JCB cujo projeto foi recentemente atualizado. Seu design moderno é produzido no Brasil e segue o padrão de desempenho, força e economia da JCB global. Versatili, graças a uma vasta gama de acessórios – da caçamba 6 em 1 à vassoura, seus benefícios permitem reduzir custos, aumentar a produtividade e garantir a segurança durante a operação da máquinas.
O novo modelo possui parte dianteira do capô integral, mais inclinado e basculante, o que permite maior visibilidade, manutenção e fácil acesso ao compartimento do motor. Conta também com uma nova grade frontal, que acompanha todo o desenho dianteiro e facilita o escoamento de material e a versão 4X4 Turbo possui bomba hidráulica com vazão de 136l/min., o que torna a máquina mais ágil. Além disso, as máquinas possuem motor de 79 hp aspirado ou 92 hp turbo e profundidade de escavação de
4,37m, podendo chegar a 5,49m.
A retroescavadeira JCB inclui o sistema de Engate Rápido que permite acoplar vários tipos de garfos e caçambas. Ao manter o centro de carga próximo da máquina, a capacidade de elevação dos garfos é maximizada. Além disso, o operador tem uma excelente visibilidade em relação à caçamba quando os garfos estão recolhidos, aumentando a visão em todas as direções durante os trabalhos.
A máquina possui itens de série como o limitador de patinagem (LSD) em seu eixo traseiro, que permite maior tração e sistema de arrefecimento mais eficiente com radiadores que possuem colméia em alumínio e novo filtro de ar de maior capacidade.
A retroescavadeira 3C pode ser utilizada em diversas tarefas como escavar, carregar caminhões, limpar, assentar tubos, entre outras atividades.
O compartimento do operador foi concebido de modo a proporcionar conforto, total visibilidade, facilidade de controle e maior segurança. O assento tem e o operador tem total controle sobre a temperatura interna da cabine, quando equipada com ar condicionado.
O nível de ruídos extremamente reduzido e os comandos de baixo esforço contribuem para diminuir o cansaço do operador. Além disso, seu amplo espaço coloca objetos ao fácil alcance do operador sem obstruir o espaço de trabalho.

Pontos Chave: Potencia e desempenho

  • A geometria de quatro cilindros permite maior visibilidade em relação a carregadeira;
  • A concepção robusta e de grande capacidade do braço da carregadeira resiste à torção durante a penetração no material empilhado;
  • A elevação paralela mantém a carga nivelada durante os ciclos de elevação e descida;
  • As caçambas de 1m³ (padrão) e 6 em 1 (opcional) foram concebidas para máxima performance;
  • O circuito hidráulico opcional opera vasta gama de acessórios.

Carreta com basculamento lateral

A Rossetti forneceu à Biominas Transportes, um novo protótipo de carreta basculante, que pode vir a ser uma opção para operações de alto volume. A idéia surgiu da necessidade de empregar uma carreta de maior capacidade, em acordo com a legislação, e competitiva no mercado.
A carreta basculante padrão de mercado possui hoje em média oito metros, três eixos seqüenciais e capacidade média de 16 a 25 m³. O protótipo idealizado pela Rossetti possui 11 metros, três eixos distanciados, sendo o primeiro eixo direcional, o primeiro e segundo eixo com suspensores pneumáticos, os quais gerando maior estabilidade e capacidade de transporte de carga.
Outro diferencial é o basculamento lateral que permite, inclusive, que o processo seja feito com o veículo ainda em movimento, e com total segurança. Enquanto uma carreta convencional – três eixos – de 16 a 25 m³, comporta em média 25 t líquida, o protótipo consegue transportar 35 t.

Vlvo lança as retroescavadeiras BL 60 e BL70

A Volvo Construction Equipment Latin America aproveitará o cenário da M&T Expo para lançar no Brasil as retroescavadeiras BL60 e BL70, que já eram produzidas e comercializadas pela marca em outros países desde 2002.
As retroescavadeiras BL60 e BL70 são máquinas multiuso, ideais para desempenhar tarefas de apoio em canteiros de obras, em construções de rodovias e fazer trabalhos na área de saneamento urbano. De acordo com Amaury Tartari, diretor do Hub Brasil da Volvo CE LA, as máquinas também são muito úteis na área agrícola, fazendo canais de irrigação, por exemplo, podendo ser usadas como máquinas de apoio em qualquer tipo de atividade – desde obras civis e de paisagismo, passando por instalações industriais, até sites de mineração.
Os motores Volvo de 4,8 litros de última geração (83hp e 90hp) com turboalimentação atendem a legislação de emissões Tier 3. "A combinação motor-transmissão-sistema hidráulico garante maior produtividade", diz Jacó Alles, gerente de vendas especializado na linha de compactos.
Nas retroescavadeiras BL60 e BL70 os pacotes de freio de serviço são situados nas extremidades dos eixos, facilitando a manutenção, quando ela é necessária. Projetada para ter alta disponibilidade, elas têm um dos maiores intervalos do mercado para as intervenções preventivas mais frequentes.
Outras características dos equipamentos são a própria estrutura do conjunto retro (lança e braço), que facilita a visibilidade do operador, e o capô, de uma peça só, que se abre para trás, permitindo amplo acesso para a manutenção e inspeção diária ao nível do solo.
A BL60 e a BL70 também permitem o autonivelamento e a flutuação da carregadeira, funções importantes para evitar o derramamento de material e garantir melhores acabamento e nivelamento.
As máquinas têm, ainda, bloqueio de 100% do eixo traseiro, característica importante na função de carregamento, pois melhora a performance do equipamento e proporciona melhor deslocamento da máquina em terrenos com baixa sustentação.

Fonte: Estadão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *