A mobiliização das comunidades pode obrigar o governo a fazer melhorias

Washington, capital norte-americana, já tem prazo para se livrar das enchentes de verão que ocorrem há décadas. O ambicioso
programa de obras é fruto de mobilização popular e ações legais impetradas na Justiça.

 

Mesmo nos Estados Unidos, o fato de que existe uma lei  federal, como a Clean Water Act — Lei de Água Limpa —, não foi suficiente para que obras fossem feitas para acabar com as históricas enchentes de verão em Washington D.C. Em 2005, finalmente, a agência ambiental federal (EPA) baixou decreto estabelecendo as medidas que o organismo local, DC Water, teria que tomar (incluindo obras) para se adequar aos padrões mandatórios de qualidade da água, dentro de um cronograma de 25 anos e ao custo de US$ 2,6 bilhões.

Conteúdo exclusivo para assinantes. Assine para ter acesso a todo conteúdo digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *