Prefeitura assina PPPs para erguer 13 mil moradias, orçadas em +R$2,2 bi

São seis áreas na capital onde 9460 unidades serão reservadas a famílias com renda de até 6 salários mínimos, cadastradas na fila da Cohab, cujas prestação mensal deve ficar em torno de R$250,00; 20% ficam com famílias de 6 a 10 salários; e 8% será vendida ao grupo com renda de 10 a 20 salários.  Financiamento em 360 meses e início de entrega em 2022. As construtoras vão inclusive edificar equipamentos urbanos como creches e postos de saúde.  No lote da Lapa, está prevista uma passarela sobre a Marginal do Tietê.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *