Usinas no Ceará recebem equipamentos trazidos por navio movido a energia eólica

Os motores do E-Ship 1 são movidos pela força dos ventos e a o navio traz para o País pás e aerogeradores para usinas eólicas. A embarcação de cargas desenvolvida pela Enercon Gm-bH, uma das principais fabricantes mundiais de energia eólica, é um navio híbrido, também movido a diesel. Tem 130m de comprimento, 22,5m de largura, peso de 12,8 toneladas e foi construído para reduzir em até 40% o consumo de combustível fóssil e as emissões de CO2 se comparado a um similar convencional.

O navio atracou ontem no Porto de Pecém, no Ceará, com equipamentos para as usinas que a Wobben, unidade brasileira da Enercon, com sede em Sorocaba ( SP), tem no Brasil. Entre os projetos a serem atendidos estão sete usinas da Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL) e quatro da Petrobras, estas projetadas pela transnacional no Rio Grande do Norte. Após o desembarque em Pecém, o navio seguiu para o Rio Grande do Sul onde vai entregar pás e aerogeradores para ampliação das usinas de energia da Ventos do Sul, em Osório.

Fonte: Estadão