Categorias

2 de dezembro de 2021

Usinas no São Francisco devem gerar mais energia até o final do ano

As hidrelétricas a jusante da Barragem de Sobradinho, no Rio São Francisco, devem gerar mais energia com a escassez hídrica no Sudeste. As usinas pertencem a Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf) e por determinação do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) já aumentou a vazão no trecho. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O trecho é composto pela UHE de Itaparica ou Luiz Gonzaga com capacidade de geração de 1,5 GW, o Complexo Paulo Afonso com 4,2 GW no total e UHE de Xingó, com 3,1 GW. Paulo Afonso, uma marco da engenharia nacional, foi construída ainda nos anos 1950, a de Itaparica é dos anos 1980 e Xingó, da década seguinte.

O reservatório de Sobradinho, no Rio São Francisco, o maior em área alagada do país, está com 38% do volume total hoje. Por isso, a ordem é aumentar a vazão rio abaixo em outubro e novembro. Há cinco anos, Sobradinho sofreu brutal escassez de água e ficou com 3% de seu volume, exigindo que usinas a jusante fossem desligadas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.