Brasil terá cota de 30% na produção mundial de etanol em 2010

O Brasil será responsável por 30% do crescimento previsto para o mercado mundial de biocombustíveis no próximo ano, de acordo com relatório aa Agência Internacional de Energia (AIE).

De acordo com dados da AIE, a oferta global de biocombustíveis terá aumento de 190 mil barris por dia em 2010, atingindo 1,8 milhão de barris diários. O resultado representará sensível melhora em relação a este ano, quando o avanço ficará limitado a 60 mil barris por dia, para 1,6 milhão de barris diários.

O estudo prevê que a produção brasileira será elevada em 55 mil barris por dia em 2010, prevê a AIE, em razão da retomada da expansão da capacidade instalada. Para este ano, a agência está mais pessimista e rebaixou a projeção. Agora, a entidade vê aumento de 40 mil barris por dia na produção brasileira de biocombustíveis, abaixo da previsão anterior de 60 mil barris diários. O motivo é o elevado preço do açúcar, que ganha preferência e acaba inibindo a opção pelo álcool combustível (etanol).

A maior parte do crescimento global da oferta de biocombustíveis em 2010 virá dos Estados Unidos. A estimativa é de que a produção norte-americana seja ampliada em 75 mil barris diários, o que equivalente a 40% da expansão mundial. “Apesar das dificuldades de curto prazo e das margens fracas, a reestruturação da indústria prossegue e algumas usinas (dos EUA) estão sendo reiniciadas”, diz o relatório. Além disso, a legislação dos EUA que exige a mistura de biocombustíveis coloca um piso para a produção de etanol.

Na Europa, “após um 2009 difícil”, a oferta de biodiesel deve crescer 20 mil barris por dia no próximo ano, em razão das metas de mistura ao combustível tradicional. “Mas ainda duvidamos que somente a produção doméstica seja capaz de ajudar a União Europeia (UE) a atingir a meta de 5,75% de combustíveis renováveis para o transporte no ano que vem”,avalia a AIE.

Fonte: Estadão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *