Assinada concessão de terminal em Santos (SP) com investimentos de R$ 219 mi

O Ministério da Infraestrutura assinou contrato de concessão do terminal STS20, no Porto de Santos (SP), com o consórcio Hidrovias do Brasil. O leilão do terminal aconteceu em agosto do ano passado.

Durante os 25 anos do contrato, a Hidrovias do Brasil vai operar uma área de mais de 29 mil metros quadrados e três armazéns, destinada à movimentação de fertilizantes e sal. A empresa já possui atividade logística de transporte de grãos e fertilizantes no Norte do Brasil e hidroviário nos rios Uruguai, Paraguai e Paraná.

A capacidade de armazenagem anual do terminal é de 1 milhão de toneladas para sal e de 2,6 milhões de toneladas para fertilizantes. No caso dos fertilizantes, os insumos são importantes, pois abastecem a cadeia agrícola no centro do país. Já no caso do sal, que chega ao porto via cabotagem do Nordeste, o insumo abastece várias cadeias da indústria nacional, sobretudo no estado de São Paulo. Hoje, o terminal movimenta cerca de 50% do sal que chega e sai do Porto de Santos.

Entre os investimentos previstos no terminal, estão obras de demolição e de construção de armazéns, reforço do cais público, dragagem de aprofundamento, derrocamento do berço de atracação, aquisição de equipamentos para descarregamento de navios e para transporte de fertilizantes, além da instalação de balanças rodoviárias. 

Os investimentos anunciados pelo governo para modernização do terminal portuário são de R$ 219 milhões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *