Fundo de Abu Dhabi financiará 85% do porto de São Mateus (ES)

Com licença prévia do projeto do porto de São Mateus (ES) protocolado em junho passado, a expectativa é de se iniciar a construção em julho próximo, a ser concluída em 2021. A área foi ampliada para 1,7 milhão m² e o cais de 2,35 km será offshore, comportando navios de 16 m de calado, sendo ligado à terra por pier de 1,8 km.

A projeção é que o complexo portuário, da proprietária Petrocity movimente 14 milhões t no terceiro ano de operação, entre carga geral, veículos, rochas ornamentais e embarcações de apoio offshore. O fundo soberano de Abu Dhabi financiará 85% dos R$ 3 bilhões a serem investidos no projeto. Odebrecht foi contratada para desenvolver os projetos e obras.

O Centro Portuário de São Mateus (CPSM) será instalado em Urussuquara, no distrito de Barra Nova. A Petrocity criou uma subsdiária, a Petrocity Logística, que será responsável por toda a gestão de operação do porto. A previsão é de gerar 2,5 mil empregos já em sua fase de instalação, e mais 2,5 mil diretos e indiretos em sua fase de operação.

Com o CPSM, a estimativa é de promover a integração regional e econômica entre norte e nordeste do Espírito Santo, Minas Gerais, sul da Bahia e centro-oeste brasileiro; o escoamento da demanda reprimida dos produtores de cargas que não têm opções logísticas no norte do Estado, o que acarreta a perda de competitividade de mercado; e o desenvolvimento sustentável.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *