Drones em ação

No ano passado, um dos projetos finalistas na categoria Inovação no Governo, do prêmio Be Inspired da Bentley, foi o programa de prevenção de desastres e redução de riscos da prefeitura de Nagano, Japão, conduzido pela Kokusai Kogyo Co. Essa empresa especializada utiliza helicópteros ou drones — quando não há condições de voo para os primeiros — para obter imagens aéreas que são colocadas à disposição do público via site em 24 horas, de modo que as verdadeiras dimensões de um desastre natural possam ser avaliadas pelas autoridades e a população. Obter imagens panorâmicas de um desastre natural no menor prazo possível sempre foi a maior dificuldade nos trabalhos de resgate nestas situações.

 

Ao mesmo tempo, o programa em Nagano usa dados LIDAR, obtidos por aeronave para criar um mapa topográfico pós-desastre no prazo de dois meses após o evento – um processo que levaria de quatro a seis meses pelos métodos convencionais. A densa nuvem de pontos é gerenciada com Pointools e MicroStation da Bentley, cumprindo tarefas de manipulação e funções analíticas. Esse mapa topográfico orienta as obras de recuperação e prevenção na área atingida. A solução desenvolvida pela Kokusai Kogyo custa apenas 60% do custo exigido pelos processos convencionais de mapeamento topográfico.

Fonte: Revista O Empreiteiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *