Enel paga R$ 2,187 bilhões pela CELG distribuidora

 

Esse lance representa um ágio de 28% com relação ao lance mínimo fixado no edital, reforçando a posição da Enel italiana no País — que figura com destaque no programa de investimentos anunciado pela empresa. Com a Coelce (CE) e a Ampla (RJ), a Enel passa a atender 10 milhões de consumidores. Segundo instituições financeiras que acompanham o setor, esse resultado favorece a venda de seis distribuidoras da Eletrobras, previsto ao longo de 2017 – com a possível negociação ainda da Light pela Cemig, e da Eletropaulo pela AES.

Fonte: Redação OE

 

 

 

Leia mais notícias sobre a Celg distribuidora:

Governo tem grande expectativa na venda da Celg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *